restaurante românticoRestaurantes

Minha experiência almoçando no Loeb Boathouse, restaurante no Central Park

22 abr, 2021 / por / 0 comentários

Um dos restaurantes mais clássicos de Nova York e o único localizado em um lago. No post de hoje trago pra vocês um pouquinho da minha experiência no The Loeb Boathouse, ou como conhecido mais popularmente, Boathouse, no Central Park.

O restaurante que em português leva o nome de “a casa dos barcos” não é apenas um nome aleatório. Essa tradição de remar no Central Park começou em 1860 e logo foi necessário um local para guardar os barcos que antes ficavam espalhados em pontos diferentes do parque. Entre indas e vindas, o restaurante que vemos hoje foi inaugurado em Março de 1954 e leva o nome “Loeb”em homenagem ao bancário e filantrópico Carl M. Loeb que fez a doação de U$305,000 para a construção do estabelecimento atual.

O restaurante oferece a opção de almoço, jantar e brunch. Recomendo sempre checar o site oficial para fazer reserva e confirmar horários de funcionamento. Para quem quer uma experiência a mais, o local pode ser utilizado para eventos particulares variados como festas, casamentos, Bar ou Bat Mitzvah, etc.

Os barcos a remo

Ainda hoje você pode alugar barcos a remo e fazer um passeio pelo charmoso lago ou mesmo contratar o serviço de gôndola veneziana, um clássico para pedidos de casamento e comemorações especiais. Os barcos a remo tem o custo de U$20 por hora. Vale lembrar que aluguel dos barcos funciona de Abril até Novembro, só aceitam dinheiro em espécie e acomoda até 4 pessoas. É necessário um depósito retornável de U$20.

Quanto custa por pessoa?

Essa pergunta obviamente não tem uma resposta concreta porque vai depender do que você pedir. Mas um prato principal pode variar bastante, porém a maioria fica na casa dos U$20-40. Eu pedi um suco (U$5), batata frita e um prato principal (U$27) e tudo ficou (com gorjeta e taxa) U$50. Acredito que com uma bebida alcóolica e uma sobremesa, este valor seja por volta de U$75 por pessoa pedindo o que eu pedi. Ah, antes que eu me esqueça, lá a gorjeta já vem inclusa na conta.

Quanto ao serviço, achei bem bom, no começo tivemos um garçom que parecia não ser dos mais pacientes (depois vi que era da personalidade dele e não foi um problema), mas a experiência como um todo foi bem bacana. Há mesas do lado de fora com vista para o lago e outras no interior do restaurante, que foi onde almoçamos. Mas recomendo as mesas com a vista em um dia com temperatura agradável. Eu diria que apesar do valor e localização, a atmosfera para almoço e brunch segue uma linha mais casual do que elegante.

Tudo que eu pedi estava muito gostoso e a experiência como um todo faz parte do valor final, afinal, não é todo dia que a gente almoça no Central Park com uma vista linda, né? Todos ficaram bem satisfeitos com os pratos pedidos.

Vou compartilhar um pouco das fotos dos pratos dos amigos porque a apresentação era bonita demais para deixar passar. Para acessar o menu completo, valores, reservas e mais informações visite o site oficial AQUI!


Está vindo para Nova York?  Não se esqueça que você pode acompanhar mais daqui de Nova York pelo meu instagram que é @marthasachser ou @blognyandabout e meu Youtubeque é este aquiE se você tem viagem marcada para Nova York, não deixe de entrar no grupo de dicas de NY do blog no Facebook AQUI! E se preferir, temos o grupo de dicas de Nova York no Telegram e WhatsApp!E para comprar meu guia de Nova York e economizar ainda mais tempo e dinheiro, clique AQUI! 

Veja também esses relacionados

Comente com o Facebook

Deixe seu comentário