dicas de viagemRoteiros

5 dias em Los Angeles – Diário de viagem

28 out, 2017 / por / 0 comentários

Desde que eu me mudei para os Estados Unidos, há cerca de dois anos atrás, eu sempre escutava os brasileiros e até os americanos falando sobre a Califa com uma paixão que eu não entendia – até algumas semanas atrás quando eu pisei no Gold State pela primeira vez. Eu amo viajar e eu pensava sim em ir pra lá algum dia, mas nunca foi minha prioridade, então  sempre escolhia outro destino. Até que, uma das minhas melhores amigas se mudou para Los Angeles. Desde então eu sabia que eu teria que visitá-la, eu fui e foi MA-RA-VI-LHOSO. Voltei encantada e morrendo de vontade de voltar pra explorar ainda mais a cidade. Post pela colaboradora Isabel Assis(@isaabelassis).

Eu fiquei por lá 5 dias e posso dizer que foi suficiente para conhecer os principais pontos turísticos, mas eu queria ter tido mais tempo para aproveitar mais cada um deles; ou até mesmo para dar uma esticadinha até San Diego, e/ou outras cidades vizinhas, mas fica pra próxima oportunidade. Bom que tenho uma desculpa pra voltar! Vou compartilhar com vocês o meu roteiro e algumas dicas dessa cidade que ganhou meu coração!

Primeira dica sobre LA: alugue um carro. Tudo é consideravelmente longe na cidade dos anjos, então se você quer ter mobilidade e economizar tempo, ter um carro é essencial. Eu reservei meu carro online pela (carrentals.com) – um site que carrega várias companhias e oferece os melhores preços. Eu paguei U$92 no aluguel para 5 dias + U$45 seguro, o que deu um total de 137 dólares. Saindo do aeroporto eu peguei um shuttle que me deixou na agência – Hertz – . Como eu disse, minha amiga mora em LA então fiquei hospedada na casa dela, mas uma boa região para se hospedar na minha opinião seria Santa Monica. O centro de Los Angeles não é muito bonito digamos assim, e me arrisco a dizer que é meio perigoso também. Santa Monica foi uma das minhas áreas preferida, com certeza quero ficar por ali quando voltar.

 

Primeiro Dia:

El Toro Beach – Malibu

Como eu estava cansada do longo vôo, foram mais ou menos 6:30 de Boston até Los Angeles e estava super calor, decidimos ir pra praia e ter um dia mais relax. Fomos para a El Toro Beach – umas das praias mais bonitas de Malibu, segundo o Yelp haha. O estacionamento é privativo e custa U$10 pelo dia. Uma dica é esperar pelo pôr do sol, que é lindíssimo, e sempre tenha um casaquinho porque o tempo em LA sempre vira no fim do dia.

 

Segundo Dia:

Esse dia foi mais longuinho. Acordamos cedo e fomos conhecer os pontos turísticos de downtown e o Hollywood Sign.

  • Walk of the fame
  • Dolby Theater
  • Chinese Theater
  • Beverly Hills
  • Rodeo Drive
  • Warner Bros Studios Tour
  • Hollywood Sign

Primeira dica, comece pela calçada da fama e chegue cedo, tipo cedo mesmo, porque a rua começa a encher ao longo do dia e vai ficar muito difícil conseguir uma boa foto. O Dolby Theater e o Chinese Theater são localizados na calçada da fama, e ali é o ponto central dessa região – leia-se: mais bonito para fotos – A rua é imensa, se você quiser achar alguma estrela especifica, dá um google que tem a localização exata, porque só andando vai ser muito difícil de encontrar.

De lá fomos para Beverly Hills, onde tem as ruas lindas com palmeiras, e onde você realmente sente que está na California. As principais ruas são – Roxbury Drive, Carolwood Drive, Bedford Drive and Benedict Canyon Drive – nós dirigimos naquela região um pouquinho e de lá seguimos para o Beverly Hills Sign que é bem pertinho – dirigindo, até acho que dá pra andar mas estava muito calor.

Fotos tiradas! Pausa para um almocinho rápido – comemos no Chipotle que fica em frente ao Beverly Hills Sign porque estávamos com horário meio apertado, já que tínhamos reservas pro Warner Bros Tour, e como disse tudo é relativamente longe. Antes do tour fomos para a Rodeo Drive, a rua de compras mais famosos de LA, onde aquela clássica cena de Uma Linda Mulher foi gravada. Estacionamos em um public parking e fomos dar uma voltinha. É uma região bem gostosa, eu queria ter ficado mais tempo por lá, mas tivemos que correr pra não perder nosso tour. De lá fomos para o Warner Bross Studios tour que estava agendado para 2:00 pm – os tickets foram $62 cada se não me engano e o tour durou cera de 2 horas mais ou menos. Eu achei bem cansativo, talvez porque eu tinha acordado muito cedo e estava andando dia inteiro, mas é bem legal pra quem é fã de seriados – eu não via a hora de chegar a parte do Central Perk – famoso cenário de Friends.

Já no fim do dia, saímos do Warner Bross Studios e fomos para o Hollywood Sign – 300 Canyon Dr – esse foi o melhor ponto que achamos. Dica: Leve um tênis, porque lá é tudo de terra e você precisa andar um pouquinho. Pegamos um pouco do pôr do sol no Hollywood Sign e foi lindo. Tentamos ir para o Griff Observatory depois, mas tinha muito trânsito e acabamos desistindo. Voltamos pra casa mortas, só paramos no Domino’s pra comprar uma pizza e fomos comendo no carro mesmo haha.

 

Terceiro Dia:

 

  • Disney California Adventure

Como grande fã da Disney que sou, eu não podia deixar de ir conhecer a Disney da Califórnia. A Disneyland tem dois parques na Califórnia, que são um de frente pro outro. A Disneyland – é uma versão menor do Magical Kingdom e a Disney California Adventure, como o próprio nome ja diz, é destinados aos brinquedos mais “radicais”. Eu achei que parecia um resumo do Epcot e Hollywood Studios, porém a vibe é totalmente diferente dos parques de Orlando. Não tem um melhor que o outro, é apenas diferente, e na minha opinião um não substitui o outro. Como eu já conhecia a Disney World em Orlando, e eu só tinha um dia para dedicar ao park, optei por ir no California Adventure. Eu queria ter ido nos dois, confesso, mas eu não gosto de fazer dois parques em um dia, acho que não vale a pena, mesmo os parques sendo menores sempre tem muita coisinha pra ver, e eu gosto de aproveitar cada segundo. E tem muitas coisas que são no mesmo horário, como por exemplo a queima de fogos na Disneyalnd é no mesmo horário do Show de Cores da Disney Adventure.

O ticket custou $110 e o estacionamento $20 senão me engano. Eu sou suspeita pra falar porque eu amo a Disney; depois posso fazer uma post mais detalhado explicado sobre a Disneyland e Disney World para este post não ficar gigante. Mas resumindo, eu amei, e super acho que vale a pena conhecer a Disneyland. E se você for na Disney Adventure não deixe de ir na ride do Cars – um dos mais legais na minha opinião.

 

Quarto Dia:

  • Paul Smith Melrose
  • Made in LA mural
  • Wings mural
  • Santa Monica Pier
  • Venice Beach

Começamos o dia cedo e fomos conferir alguns das principais art streets de LA. Começamos pelo Paul Smith Melrose – 8221 Melrose Avenue – famosa parede Pink.

De lá fomos pro Made in LA – 8025 Melrose Avenue – que fica na mesma rua, pode ir caminhando, e por último paramos nas Wings (asas), não dava pra ir na Cidade dos Anjos e não tirar uma foto com as asas, não é mesmo!? Tem vários murais espalhados pela cidade, o que nós fomos fica na 8401 West 3rd Street. Uma dica: em frente esse mural tem uma Magnolia Bakery, não deixe de ir lá e pedir o red velvet cheesecake que é de comer rezando.

De lá nós seguimos para o Santa Monica Pier, estacionamos no estacionamento deles mesmo; eu não me lembro o valor certinho, mas acho que era algo em torno de U$20 pelo dia inteiro. GENTE que lugar mais delicinha, eu queria ter tido mais tempo pra poder voltar lá. Eu amei, sempre tem uns músicos tocando algum instrumento, tem lojinhas de souvenir, parque de diversão, restaurantes – aliás eles têm um Bubba Gump que é um dos meus restaurantes favoritos – ficamos dando umas voltinhas por lá. Depois fomos pro Santa Monica Promenade   – 3rd Street, Santa Monica — uma espécie de shopping a céu aberto que fica bem pertinho do Pier. Fomos numas lojinhas, fizemos umas comprinhas e almoçamos por ali mesmo, eles têm uma espécie de praça de alimentação que eu adorei porque cada um podia comer o que quisesse – geralmente eu e minha amiga temos dificuldade em decidir aonde comer, porque ela sempre quer salada e eu hambúrguer.

De lá seguimos para Venice Beach, que é super pertinho, muita gente aluga bike e vai pedalando, mas eu achei o preço salgadinho e fomos de carro mesmo. Eu indicaria começar por Venice e depois ir pra Santa Monica primeiro porque Venice não tem muita coisa, e quando começa a escurecer achei meio perigoso. E segundo porque se você quiser alugar uma bicicleta, o aluguel de bike em Venice era bem mais em conta. Venice é uma região bem descoladinha, cheia de artistas de rua e gente estilosa. Comemos uma pizza por $1 (adorei). Eu gostei mais de Santa Monica, tanto que voltei pra Santa Monica no fim do dia. Aproveitei e fui nos brinquedos que eles tinham lá, me lembrou aqueles parques itinerantes que tinham no Brasil. Eu me diverti e muito.

 

Quinto e último dia:

  • Urban Lights at LACMA

Meu vôo de volta pra Boston estava marcado pra 1:30 pm, mas como eu não queria desperdiçar nem um segundinho se quer, eu aproveitei a parte da manhã que eu tinha livre e fui conhecer as Urban Lights que ficam em frente o LACMA – Los Angeles County Museum. Eu queria muito ter tido tempo de conhecer o museu, mas fica pra próxima.

De lá fui devolver o carro e segui pro aeroporto cheia de boas lembranças e uma vontade enorme de voltar antes mesmo de ter ido embora.

Espero que vocês tenham gostando das dicas, e se quiserem ver mais fotos confiram meu Instagram (@isaabelassi)! E se forem pra LA me marquem nas fotos pra eu matar a saudade dessa cidade incrível!

 

Por Isabel Assis

@isaabelassis

 

Veja também esses relacionados

Comente com o Facebook

Deixe seu comentário